sábado, 2 de maio de 2009

CUMPLICIDADES

Foto de Elhanh

Guardo no bolso
uma mão cheia de cumplicidades
uma bolsa de olhares
trocados e arrecadados
verdades que me revelaste
sonhos que me roubaste
pedaços de vida
momentos de memória
apreendidos como meus
desejados como teus
em minutos que valeram anos
em dias vividos em segundos
gestos inventados
sabores imaginados
mãos escritoras
mentes viajantes
encontros surpresos
cruzamentos inesperados
lembranças adormecidas
acordares despertados

Guardo no bolso
cumplicidades de duas mãos
distantes e tão próximas
de muitas horas
de duas vidas 

E ao escrevê-las numa folha
ao descobri-las num papel
não há firmeza que resista
não há sorriso que emudeça
são duas vontades que se olham
dois rios que se atravessam
duas mãos que se tocam
e eu guardo no meu bolso!

2 comentários:

sonjavalentina disse...

cumplicidades... que nos fazem acreditar que o que possuimos é único, de mais ninguém.

cumpliciadades... que nos fazem transbordar de felicidade e saudade.

cumplicidades... que nos preenchem os dias e nos roubam à vida a realidade.

Mitsou disse...

Tão verdade!

Obrigada.