segunda-feira, 3 de agosto de 2009

O PÁTIO

Foto de Jean-Marc CHAMPEVAL

Deixa-me descobrir
o pátio que há em ti
e por lá me demorar.

No teu olhar
encontrar a sombra
onde refresco
a esperança de amar.

Nos teus lábios
descobrir a fonte
onde saciar
a sede de beijar.

Nos teus braços
escolher o banco
onde descansar
a solidão do corpo.

No teu sorriso
abrir a porta
por onde entrar
para o pátio
da tua vida
onde quero
me demorar.

4 comentários:

mariab disse...

Lindo, isso. Tens esse dom de dizer sentimentos de uma forma clara.
Beijos

susana disse...

Que lindo! Tão claro, tão cristalino.
Desta vez não quero explicações, quero ficar com o que quis perceber ;)

Tia_Cunhada disse...

Tão belo... também queria descobrir um pátio assim, onde pudesse enterrar as saudades e os sonhos que deixei por concretizar. Um pátio onde pudesse nascer de novo...
E esta música, que linda é...

© Piedade Araújo Sol disse...

suave!

limpído!

gostei!

beij